Segurança do paciente na atenção primária à saúde: estudo de métodos mistos

  • Alessandra Suptitz Carneiro Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) https://orcid.org/0000-0001-7506-8606
  • Adriana Remião Luzardo Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)
  • Ivana Loraine Lindemann Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)
  • Rafael Kremer Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)
  • Paulo Roberto Barbato Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)
  • Joe Suptitz Carneiro Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Palavras-chave: Atenção Primária à Saúde, Segurança do Paciente, Educação Continuada

Resumo

Este estudo objetiva analisar o conhecimento relativo a segurança do paciente entre profissionais de uma Estratégia de Saúde da Família (ESF), e proporcionar uma intervenção educativa acerca do tema junto à equipe. Trata-se de um estudo misto, com estratégia de triangulação. Na abordagem quantitativa aplicou-se pré e pós–teste após uma intervenção educativa, e na qualitativa foi utilizada a técnica de grupo focal. A análise dos dados utilizou a estatística descritiva para a parte quantitativa e a análise de conteúdo para os dados qualitativos. O pré-teste apontou que o conhecimento sobre segurança do paciente expressado pelos profissionais da ESF era incipiente, entretanto, após a intervenção educativa observou-se aumento de acertos. Fica evidenciada a necessidade de ações educativas permanentes e contínuas no processo de trabalho, que busquem aprofundar e proporcionar reflexão quanto a temas emergentes.

Biografia do Autor

Alessandra Suptitz Carneiro, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Enfermeira graduada pela Universidade Federal de Santa Maria (2015). Especialista em Saúde da Família e Comunidade pela Universidade Federal da Fronteira Sul (2018). Mestranda em Enfermagem pelo Programa de Pós Graduação em Enfermagem da UFSM e Bolsista CAPES. Integra o Grupo de Pesquisa Trabalho, ética, saúde e segurança do paciente da UFSM, com linhas de pesquisa em segurança do paciente e saúde do trabalhador. Durante a graduação atuou como bolsista do Programa de Educação Tutorial (PET/SESu - MEC ) do curso de Enfermagem e integrou o Grupo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Saúde Mental (GEPESM) e também o Núcleo de Ensino e Pesquisa em Saúde Coletiva (NEPESC). Atua nos seguintes temas: segurança do paciente, cultura de segurança, saúde coletiva, saúde do trabalhador.

Adriana Remião Luzardo, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Cursou Graduação (2002), Licenciatura (2004) e Mestrado (2005) em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). É Especialista em Gerontologia (2009) pelo Núcleo de Estudos da Terceira Idade (NETI)/ UFSC e Especialista em Gestão da Saúde Pública (2012) pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Concluiu Doutorado (2015) em Enfermagem (UFSC). Tem atuado na área da Saúde Coletiva e Enfermagem de Saúde Pública, especificamente, nos temas: Gestão e Planejamento em Saúde e Enfermagem, Tecnologias e inovação em saúde; Práticas Integrativas e Complementares, Saúde do Trabalhador, Gerontologia, Atenção Primária e Secundária à Saúde, Vulnerabilidade e Determinantes Sociais da Saúde. É professora Adjunta da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) - Campus Chapecó, atuando no ensino, pesquisa e extensão, no curso de Enfermagem nas disciplinas de Gestão e Gerenciamento; Estágio Curricular Supervisionado e Práticas Integrativas; no curso de Medicina na disciplina de Racionalidades Médicas. Em pós-graduação atua em especialização e residência multiprofissional. É coordenadora da ABEn/ Núcleo Chapecó. É membro do Departamento de Atenção Primária à Saúde (APS) da ABEn-SC e do Departamento de Gerontologia da ABEn-SC. É pesquisadora do grupo de pesquisa GEPEGECE/UFFS e pesquisadora e líder do Grupo de Pesquisa em Inteligência Artificial (GIA)/ UFFS, coordenando o desenvolvimento de um Sistema especialista para área da saúde. Cursa MBA de Gestão em Saúde pela USP.

Ivana Loraine Lindemann, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Concluí a graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Pelotas (1997), o mestrado em Epidemiologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004) e o Doutorado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal do Rio Grande (2015). Atualmente atuo como professora adjunta na Universidade Federal da Fronteira Sul, Campus de Passo Fundo, RS, junto ao Curso de Medicina e ao Programa de Pós-Graduação - Residência Multiprofissional em Saúde.

Rafael Kremer, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Graduado em Fisioterapia (2000 - 2004) pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). Mestre em Biologia Geral e Aplicada (2005 - 2007) pelo Instituto de Biociências do Câmpus de Botucatu da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (IBB/UNESP). Especialização em Docência na Saúde (2016 - 2017) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Atualmente, é docente efetivo da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) no Campus Passo Fundo (2014 - atual), onde desenvolve a atividade de Coordenador Acadêmico do Campus Passo Fundo (2014 - atual) e Coordenador da Área de Anatomia (2014 - atual). Atua, desde 2006 como docente, no ensino de Anatomia Sistêmica e Topográfica, Neuroanatomia Funcional, Fisiologia Humana e Cinesiologia, bem como, na organização formativa pedagógica docente para as Diretrizes Curriculares Nacionais ao Curso de Medicina, Residências Médicas e Multiprofissionais em Saúde (2014 - atual). Possui atividades de pesquisa relacionadas aos seguintes temas: Alcoolismo, Eixo Hipotálamo-Hipófise-Adrenal, Eixo Hipotálamo-Hipófise-Gônada, Separação Materna (Modelo de estresse neonatal), Reprodução e Comportamento Materno. Desenvolve como atividade de extensão o Projeto Conhecendo o Corpo Humano e o Projeto Atitudes que salvam vidas: primeiros cuidados em caso de emergência até a chegada do serviço especializado (Programa: Centro de Formação Popular e Educação em Saúde).

Paulo Roberto Barbato, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

possui gradua??o em Odontologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1992) , especializa??o em Políticas Públicas pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2005) , especializa??o em Acupuntura pelo Centro Integrado de Estudos e Pesquisas do Homem (2003) , mestrado em Saúde Pública pela Universidade Federal de Santa Catarina (2007) , doutorado em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Santa Catarina (2014) e aperfeicoamento em Ortodontia Preventiva e Interceptativa pela Escola de Aperfeiçoamento Profissional Abosc (2001) . Atualmente ? Revisor de periódico da Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil, Revisor de periódico da Revista Epidemiologia e Serviços de Saúde, Revisor de periódico da Ciência e Saúde Coletiva (Impresso) e Estatutário da Universidade Federal da Fronteira Sul. Tem experi?ncia na ?rea de Odontologia , com ?nfase em Odontologia Social e Preventiva. Atuando principalmente nos seguintes temas: epidemiologia, saúde bucal, saúde coletiva.

Joe Suptitz Carneiro, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Acadêmico de Enfermagem pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Publicado
2019-08-08
Como Citar
CARNEIRO, A.; LUZARDO, A.; LINDEMANN, I.; KREMER, R.; BARBATO, P.; CARNEIRO, J. Segurança do paciente na atenção primária à saúde: estudo de métodos mistos. Revista Enfermagem Atual InDerme, v. 88, n. 26, 8 ago. 2019.