USO DA RADIOFREQUÊNCIA PARA REDUÇÃO DO RISCO CARDIOVASCULAR E MELHORA DA AUTOESTIMA EM MULHERES NA MEIA IDADE

  • Kátia Cilene Cavalcante de Oliveira Unicesumar
  • Regiane da Silva Macuch Unicesumar
  • Eraldo Shunk Silva Universidade Estadual de Maringá
  • Rose Mari Bennemann Unicesumar
Palavras-chave: Estado nutricional. Doenças crônicas. Estética.

Resumo

Objetivo: utilizar a radiofrequência (RF) para redução do risco cardiovascular e melhorar a autoestima em mulheres na meia idade (idade ≥ 40 a 59 anos). Método: estudo quantitativo, quase-experimental, do tipo antes e depois, com coleta de dados primários e com amostra de conveniência. A radiofrequência foi aplicada em 10 sessões, uma vez por semana. O risco cardiovascular foi avaliado pela circunferência da cintura (CC) e a autoestima pela Escala de Autoestima de Rosenberg (EAR).  Resultados: foram avaliadas 30 mulheres. A média de idade foi de 48 anos. O risco cardiovascular diminuiu e a autoestima apresentou diferença estatisticamente significativa (p< 0,0001) após a intervenção. Conclusão: a RF é efetiva para a redução do risco cardiovascular e para a melhora da autoestima em mulheres na meia idade.

Biografia do Autor

Regiane da Silva Macuch, Unicesumar

Instituição: Centro Universitário Maringá - UniCesumar.

Titulação: Doutorado em Ciências da Educação - Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Promoção da Saúde e do Programa de Pós-Graduação em Gestão do Conhecimento nas Organizações do Centro Universitário Maringá - UniCesumar. Pesquisadora do Instituto Cesumar de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Eraldo Shunk Silva, Universidade Estadual de Maringá

Titulação: Doutor em Agronomia (Energia na Agricultura) - Professor Associado na Universidade Estadual de Maringá. Atua na área de Probabilidade e Estatística, Análise Multivariada, Sistema de Equações Estruturais e Bioestatística. Integrante do corpo docente do Programa de Pós-graduação em Bioestatística - PBE/UEM. 

Rose Mari Bennemann, Unicesumar

Instituição: Centro Universitário Maringá - UniCesumar.

Titulação: Doutorado em Saúde Pública - Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Promoção da Saúde.

Pesquisadora do Instituto Cesumar de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Publicado
2019-08-07
Como Citar
CAVALCANTE DE OLIVEIRA, K.; MACUCH, R.; SILVA, E.; BENNEMANN, R. USO DA RADIOFREQUÊNCIA PARA REDUÇÃO DO RISCO CARDIOVASCULAR E MELHORA DA AUTOESTIMA EM MULHERES NA MEIA IDADE. Revista Enfermagem Atual InDerme, v. 88, n. 26, 7 ago. 2019.