Cuidados paliativos e teoria humanística na enfermagem

Palliative care and humanistic theory in nursing

Palavras-chave: cuidados paliativos; enfermagem; ética; humanização da assistência.

Resumo

RESUMO: refletir acerca da importância da utilização dos cuidados paliativos (CP) no cotidiano de trabalho dos trabalhadores de enfermagem à luz da abordagem teórica humanística de Paterson e Zderad. CP tem por finalidade proporcionar ao paciente fora da possibilidade de cura e com risco de vida e sua família melhor qualidade de vida. Quando o trabalhador de enfermagem, no seu processo de cuidar, aplica o referencial da Teoria Humanística em combinação com a terapêutica do CP, é possível identificar cada ser como existência única e singular, propiciando entender seu significado e compreendê-lo no decorrer da progressão de sua doença. Também, possibilita auxiliar tais trabalhadores a assistirem o paciente terminal no seu processo de finitude. Portanto, o desafio maior é mobilizar, nesses profissionais, a necessidade de reflexão sobre sua prática, buscando o comprometimento com a temática da terminalidade e dos CP, tanto no seu processo permanente de formação, quanto da gestão institucional com a capacitação dos mesmos.

Publicado
2020-04-06
Como Citar
VASQUES, T. C.; LUNARDI, V.; SILVA, P.; CARVALHO, K.; ALGERI, S. Cuidados paliativos e teoria humanística na enfermagem. Revista Enfermagem Atual In Derme, v. 91, n. 29, 6 abr. 2020.