Situação de rua: condição que vulnerabiliza ao consumo de substâncias psicoativas

  • Ítalo Arão Pereira Ribeiro UFPI
  • Marcos Ramon Ribeiro dos Santos Mendes, Sr. Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HUUFVSF)
  • Luan Ribeiro dos Santos Assis, Sr. Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HCUFTM)
  • Isadora Nunes Amaral, Sra. Hospital Universitário Professor Alberto Antunes da Universidade Federal de Alagoas (HUPAA-UFAL).
  • Abigail Laísla Belisário da Silva, Sra. UniNassau
Palavras-chave: Pessoas em situação de rua; Condições Sociais; Transtornos relacionados ao uso de substâncias; Enfermagem.

Resumo

Viver em situação de rua é uma condição que perpassa a falta de moradia. Trata-se de uma situação que vulnerabiliza o indivíduo a diversas questões sociais, de saúde e legais, marginalizando-os e os aproximando do mundo do consumo de substâncias psicoativas. Tal segmento populacional deve ser compreendido como seres sociais, e que tanto como os outros inseridos nesse contexto, têm necessidades e direitos de serem amparados pelo poder público do estado e englobados de forma considerável em suas ações de promoção da saúde, dignidade humana e, em especial, ao combate do consumo de sustâncias psicoativas. 

Biografia do Autor

Marcos Ramon Ribeiro dos Santos Mendes, Sr., Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HUUFVSF)

Possui graduação em enfermagem pelo Centro de Ensino Unificado de Teresina (turma de 2009-2013). Especialização em Gestão de Serviços de Saúde pela Universidade das Américas (2014-2016). Mestrado em Saúde pública pela Universidad Internacional Tres Fronteras - UNINTER-ASUNCIÓN (2014-2017). Atualmente é enfermeiro do Hospital universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (2017) e também trabalhou no Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão - EBSERH - (2014-2017). Possui experiência nas áreas assistenciais: pronto socorro/urgência/classificação de risco, clínica médica, obstetrícia, clínica cirúrgica e centro cirúrgico do HRSCF em São Raimundo Nonato -PI (2013-2014). Gerente do departamento de enfermagem da Clínica São Francisco em São Raimundo Nonato - PI (2013-2014). Como docente, atuou no SENAC-PI ministrando disciplinas nos cursos da área de saúde como: técnico em enfermagem, cuidador de idosos, cuidador infantil e primeiros socorros (2013-2014). Membro do Núcleo de Educação Permanente NEP-HUUNIVASF (2017), Tutor das residências de enfermagem do HUUNIVASF (2019). Instrutor do Banco de Talentos do HUUFMA (2016) . Durante a graduação, foi monitor das disciplinas de histologia e embriologia humana para os cursos de fisioterapia, nutrição, enfermagem e odontologia - CEUT/UFPI.

Luan Ribeiro dos Santos Assis, Sr., Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HCUFTM)

Mestrando em Atenção em Saúde pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Enfermeiro Assistencial/Intensivista no CTI Coronariano do Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Tem experiência na área de Enfermagem, com ênfase em Enfermagem Intensiva/Cardiológica. 

Isadora Nunes Amaral, Sra., Hospital Universitário Professor Alberto Antunes da Universidade Federal de Alagoas (HUPAA-UFAL).

Enfermeira, Especialista em Enfermagem do Trabalho e Saúde Ocupacional pela Universidade Cândido Mendes (UCAM)}.

Abigail Laísla Belisário da Silva, Sra., UniNassau

Enfermeira pela Faculdade UniNassau/Aliança - Campus Rdenção, Piauí-Teresina.

Publicado
2020-04-06
Como Citar
RIBEIRO, ÍTALO A.; MENDES, M. R.; ASSIS, L.; AMARAL, I.; DA SILVA, A. L. Situação de rua: condição que vulnerabiliza ao consumo de substâncias psicoativas. Revista Enfermagem Atual In Derme, v. 91, n. 29, 6 abr. 2020.